Notícias

Ministério prepara curso on-line para gestores do projeto Salas Verdes

Iniciativa do MMA possui, atualmente, 363 espaços educadores espalhados por todo o País

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) prepara um curso de educação ambiental a distância para os gestores das Salas Verdes no País. O projeto incentiva a criação de espaços socioambientais para atuarem como potenciais centros de informação e formação ambiental.

O curso visa fortalecer a atuação dos gestores responsáveis por esses espaços educadores por meio de um processo educativo, considerando as reais demandas relacionadas às questões técnicas, pedagógicas e organizacionais.

A proposta dos conteúdos do curso foi elaborada com a colaboração dos coordenadores de cada Sala Verde, com base em uma pesquisa que levantou os desafios e potencialidades de cada unidade, assim como os temas que os gestores gostariam de aprofundar no curso online.

Os coordenadores também apontaram os principais desafios que enfrentam: estrutura (logística, equipamentos, espaço); equipe; material didático; recursos financeiros e humanos; métodos pedagógicos; gestão e planejamento; parcerias; formação e capacitação e mobilização.

O curso, ainda sem data para começar, será organizado em quatro módulos. O primeiro tratará dos fundamentos da Educação Ambiental, o segundo sobre planejamento e metodologia participativas e o terceiro e quarto módulos apresentarão metodologias para desenvolvimento de atividades de educação ambiental abordando os temas prioritários.

Prioridades

A pesquisa levantou os grandes temas que os gestores gostariam de ter subsídios para melhorar a atuação do programa: métodos pedagógicos; resíduos sólidos; atividades produtivas e que geram renda; cidadania; preservação e conservação florestal; gestão e fortalecimento das Salas Verdes; água; cidades sustentáveis; escola sustentável; saúde e meio ambiente.

Sobre os materiais educativos enviados pelo MMA foram classificados como de "grande relevância", pois colaboram como referencial teórico para a prática da educação ambiental e são materiais importantes porque ampliam o repertório sobre assuntos ambientais.

Pelo País

Coordenado pelo Departamento de Educação Ambiental (DEA), do Ministério do Meio Ambiente, o Projeto Salas Verdes possui atualmente 363 unidades espalhadas por todo o Brasil.

Esses espaços educadores, além de oferecer as publicações e materiais enviados pelo MMA, democratizando o acesso à informação socioambiental, desenvolvem atividades educativas, de mobilização, constituindo-se como um ambiente de encontro, reflexão e construção da ação socioambiental.

As instituições participantes do projeto estão distribuídas em quase todos estados e no Distrito Federal. Estão localizadas, em sua maioria, em prefeituras municipais, secretarias de meio ambiente, secretarias de educação, institutos federais e universidades, mas também em conselhos gestores de Unidades de Conservação (UCs) e organizações não governamentais.

A região Sudeste possui o maior número de Salas Verdes no país, com o total de 129. Na região Sul são 88 Salas cadastradas e no Nordeste são 85 unidades. A região Centro-Oeste possui 36 Salas Verdes e a Região Norte 25 espaços.

Por Portal Brasil - Fonte: Ministério do Meio Ambiente