Notícias

Novos herbários nacionais passam a ser apoiados pelo SiBBr

A extensão da parceria entre o SiBBr e o Jardim Botânico do Rio de Janeiro, no âmbito do programa Reflora, prevê até 2017 digitalizar e integrar quase 1 milhão de dados de herbários nacionais, sendo 670 mil espécimes de cinco grandes herbários brasileiros e 326 mil espécimes de 17 herbários nacionais com pouca experiência em digitalização de dados.

A extensão da parceria entre o Sistema de Informação sobre a Biodiversidade Brasileira (SiBBr) e o Jardim Botânico do Rio de Janeiro, no âmbito do programa Reflora, inclui a digitalização e integração de dados de 22 herbários nacionais. Com a extensão da parceria, a previsão é até 2017 digitalizar e integrar quase 1 milhão de dados de herbários nacionais, sendo 670 mil espécimes de cinco grandes herbários brasileiros e 326 mil espécimes de 17 herbários nacionais com pouca experiência em digitalização de dados.

Foto:José Sabino
Quase 1 milhão de dados de herbários nacionais devem ser digitalizados e integrados ao SiBBr

“A ação atende o objetivo do SiBBr em reunir a maior quantidade de dados e informações existentes sobre a biodiversidade do Brasil, para apoiar a produção científica e processos de formulação de políticas públicas e tomada de decisões associadas à conservação ambiental e ao uso sustentável dos recursos naturais”, afirma a diretora-geral do SiBBr, Andrea Portela Nunes, coordenadora-geral de Gestão de Ecossistemas da Secretária de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).  Com apoio técnico do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e suporte financeiro do Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF), o banco de dados do SiBBr já conta com aproximadamente seis milhões de registros de ocorrências de quase 100 mil espécies brasileiras.

“Com a nossa parceria conseguimos agregar novos herbários para a integração de dados no SiBBr. Na primeira fase, iniciamos o processo de digitalização em 17 herbários que seguem captando e digitalizando dados com o nosso suporte. Agora, iremos avançar para mais 17 instituições, incluindo muitas que ainda nem começaram a digitalização de suas amostras”, explica a pesquisadora do Jardim Botânico do Rio de Janeiro e curadora da Reflora, Rafaela Forzza. A primeira fase do projeto beneficiou grandes institutos de pesquisa como o Museu Paraense Emílio Goeldi e o Herbário da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz.

“Como o Jardim Botânico do Rio de Janeiro já possui uma expertise muito grande na digitalização e publicação on-line de dados, funcionamos como um braço do SiBBr, auxiliando outros herbários brasileiros na digitalização de seus dados”, explica a pesquisadora, citando que desde 2014, com o apoio do IFN (Inventário Florestal Nacional), do SiBBr e do próprio Programa Reflora vários herbários estão recebendo equipamentos e treinamento para digitalização dos espécimes.

Além da capacitação de especialistas e assistência técnica, a parceria também realiza a aquisição de equipamentos para os herbários participantes.  As estações de digitalização incluem máquina fotográfica, computador, driver externo, tripé e outros acessórios. Também é fornecida a licença de uso do SilverImage, um software desenvolvido para gerenciar imagens de herbários. “As estações possibilitam a captura de imagens em alta qualidade de maneira relativamente simples e barata. Sempre que um herbário recebe a estação enviamos um dos nossos bolsistas para realizar o treinamento necessário e assim instalar a capacidade técnica no beneficiado”, explica Rafaela.

Herbários nacionais contemplados na fase 2 da parceria entre o
SiBBr e o Jardim Botânico do Rio de Janeiro

5 novos herbários - Meta de digitalização: 670.000 espécimes

HUEFS

Universidade Estadual de Feira De Santana (Feira De Santana/BA)

IAN

Embrapa Amazônia Oriental (Belém/PA)

ICN

Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Porto Alegre/RS)

SPF

Universidade de São Paulo (São Paulo/SP)

UB

Universidade de Brasília (Brasília/DF)

17 novos herbários - Meta de informatização: 326.400 espécimes

ACAM

Manuel de Arruda Câmara (Campina Grande/PB)

BRBA

Universidade Federal do Oeste da Bahia (Barreiras/BA)

COR

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (Corumbá/MS)

ECT

Embrapa Clima Temperado (Pelotas/RS)

HSTM

Engenheira Agronoma Fátima Meckedece (Santarém/PA)

HUCP

Pontifícia Universidade Católica do Paraná (Curitiba/PR)

HUEMG

Universidade do Estado de Minas Gerais (Carangola/MG)

HUENF

Centro de Biociências & Biotecnologia da UENF (Campos Dos Goytacazes/RJ)

HUNEB

Universidade do Estado da Bahia (Alagoinhas/BA)

IBGE

Reserva Ecológica do IBGE (Brasília/DF)

MUFAL

Honório Monteiro (Maceió/AL)

PMSP

Municipal de São Paulo (São Paulo/SP)

RBR

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (Seropédica/RJ)

RFA

Universidade Federal do Rio de Janeiro (Rio De Janeiro/RJ)

RFFP

Faculdade de Formação de Professores da UERJ (São Gonçalo/RJ)

SJRP

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (São José Do Rio Preto/SP)

UNIP

Universidade Paulista (São Paulo/SP)

> Veja mais pelo Explorador de dados